JÁ QUE A TELEVISÃO NÃO DÁ MAIS DROGA NENHUMA PRA ELE, POR QUE NÃO A POLÍTICA?