Stédile convocou as esquerdas para defender Nicolás Maduro da meia dúzia de gatos pingados imperialistas que querem derrubar o mais democrático dos presidentes sul americanos. Ô dó do Maduro, gente!